Home/Notícias/Zootecnistas organizam cadeias produtivas e beneficiam cooperativas

Zootecnistas organizam cadeias produtivas e beneficiam cooperativas

Hoje é comemorado o Dia do Zootecnista. Este profissional faz toda a diferença na rotina e nos resultados das cooperativas que trabalham com produtos de origem animal. Mas você sabe o que faz um zootecnista? Profissionais que atuam em cooperativas paraibanas explicam que além de organizar cadeias produtivas, desde o manejo dos animais até a comercialização do produto final, os zootecnistas contribuem para a sustentabilidade ambiental.

Diretor comercial da Cooperativa Paraibana de Avicultura e Agricultura Familiar (Copaf), o zootecnista Wendel Lima afirma que o profissional desta área contribui para a produção de proteína animal de qualidade para a população. “Os zootecnistas trabalham todos os elos da cadeia produtiva – antes da porteira, dentro e pós-porteira – trazendo mais desenvolvimento, geração de renda e emprego, com seu olhar holístico sobre a produção. Além disso, o profissional trabalha para conservação e preservação animal e dos recursos naturais, em todos os biomas, focando na otimização da produção com sustentabilidade”, ressalta.

Este trabalho é fundamental para o desenvolvimento da produção de laticínios na região semiárida, segundo o zootecnista Aldo Torres. Ele atua junto ao Condomínio Agroindustrial de Amparo e ao Consórcio de Agroindústrias do Cariri, que reúne 11 unidades de beneficiamento de leite, atendendo a 5 mil produtores rurais.

“O grande desafio do semiárido é produzir de forma eficiente. A produção de carne e de leite já existe há pelo menos 200 anos na região. O nosso grande desafio é fazer com que essa cadeia produtiva seja economicamente viável. E o zootecnista é o profissional mais apto para fazer isso, uma vez que ele entende todo o processo produtivo e esta relação que existe entre o animal e o meio ambiente onde ele vive”, explica.

Fonte paraibacooperativo

2019-05-15T10:13:17+00:00 15/05/2019|Notícias|