A União Europeia atualizou, no dia 7 de fevereiro, a lista de laboratórios brasileiros autorizados a fazer sorologia da raiva no país. Com isso, os donos de cães, gatos ou furões que pretendem viajar com seus animais poderão comprovar que eles estão imunizados contra a raiva. Na lista de laboratórios atualizados estão o Instituto Pasteur de São Paulo e o TECSA Laboratórios Ltda de Belo Horizonte (MG).

Os laboratórios interessados em realizar esse tipo de exame devem encaminhar seus pedidos ao diretor do Departamento de Saúde Animal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Guilherme Marques, que é o delegado do Brasil na Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). O Laboratório Pasteur informou ao Mapa que ainda não começou a realizar os exames.

A comprovação de que os animais estão imunizados é necessária para que o Mapa emita o Certificado Veterinário Internacional (CVI) exigido para embarque dos animais. O trânsito de animais de companhia de um país para outro exige documento emitido pela autoridade veterinária atestando condições e histórico de saúde do animal, além do atendimento às exigências sanitárias. No Brasil, os documentos utilizados para essa finalidade são o CVI e o Passaporte para Trânsito expedidos por auditores das unidades de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro).

Confira a lista de laboratórios autorizados pela União Europeia.

Saiba mais sobre o transporte de pets no site do Mapa.

Fonte CFMV