A Polícia Militar dispõe agora em Campina Grande de mais uma importante modalidade de policiamento. O comandante geral da Corporação, coronel Euller Chaves inaugurou nesta sexta-feira (22), às 11h, no bairro das Malvinas, o 2º Pelotão de Policiamento de Cães, que já está em atuação no Batalhão de Operações Especiais, naquela cidade.

O comandante Euller Chaves destacou que a Polícia Militar hoje está cada vez mais evoluindo com formação de pessoal, investimentos em equipamentos, viaturas, armamentos e expansão de unidades. “A polícia que temos dispõe de pistolas ponto 40, viaturas climatizadas, farda nova. Essa polícia cada vez mais se interioriza, com a Companhia de Cães, com o Bope, o Choque, o Gate, o Batalhão Ambiental, ocupando espaços a serviço da população”, disse.

Sobre a implantação do Pelotão de Policiamento de Cães, o coronel Euller Chaves afirmou que o canil tem cães de faro, de patrulha e mais 15 cães estão sendo adquiridos pela PM e, desses, seis irão integrar o pelotão que acaba de ser instalado em Campina Grande. “Esse processo vai chegar em Patos e outras áreas, implementando o trabalho da Polícia Militar no Estado”, revelou.

Em Campina Grande, a PM instalou recentemente um Pelotão de Polícia Ambiental. A cidade também já dispõe de um regimento de cavalaria, polícia de trânsito, Bope e outras modalidades, totalizando um efetivo de 1.000 policiais militares na Rainha da Borborema.

O comandante da 5ª Companhia do Bope, capitão Alison Figueiredo Limeira, explicou que o policiamento com cães é muito importante porque também auxilia nas ações de busca e resgate de pessoas perdidas, controle de rebeliões em presídios, atua nas ações de policiamento ostensivo e nas de choque propriamente dito.

A estrutura do Pelotão é constituída de canil com oito boxes para os cães, além de um depósito para guarda de rações e outros materiais. Dos cinco cães, dois são da raça Rottweiler, um Pastor Alemão, um Labrador e um Cane Corso.

Wscom
Publicado por: Flávio Pinto