Home/Notícias/Nota de Repúdio em defesa da atuação do Médico-Veterinário na saúde pública

Nota de Repúdio em defesa da atuação do Médico-Veterinário na saúde pública

O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Espírito Santo – CRMV-ES vem a público repudiar de forma veemente os comentários proferidos pelo Sr. Petrônio Antunes Luz Filho, proprietário e locutor de uma rádio no município de São Gabriel da Palha, e informa que tomará as medidas cabíveis.
Na última quarta-feira (12), Sr. Petrônio, em seu programa de rádio, criticou a atuação de um Médico-Veterinário como porta-voz e representante dos trabalhos executados pela Secretaria de Saúde no Inquérito Sorológico, ilegitimando a atuação desse profissional nas ações que envolvem a saúde pública.
Não satisfeito, publicou seu comentário no facebook, provocando comentários difamatórios à imagem não apenas do profissional, mas de toda classe no exercício da profissão, desmerecendo e demonstrando total desconhecimento da atuação do médico-veterinário na saúde pública.
Para efeitos de esclarecimentos diante do obscurantismo, os Médicos-Veterinários foram convocados pelo Ministério da Saúde para participar da campanha “O Brasil Conta Comigo”, reconhecendo-os como profissionais da saúde. Os Médicos-Veterinários participantes de programas de residência de Instituições de nosso Estado têm trabalhado, juntamente com outros profissionais, em ações em prol da preservação da saúde humana e do meio ambiente por meio de ações educativas, controle nas barreiras sanitárias, por exemplo, auxiliando no combate a Covid-19.
O conceito de Saúde Única está integrado ativamente nas práticas do SUS e conta com o auxílio de Médicos-Veterinários que integram as equipes das vigilâncias municipais e Estadual, atuando diretamente na organização e supervisão do Inquérito Sorológico da Covid-19 no Espírito Santo. Este estudo auxiliará o Governo do Estado a identificar o percentual da população capixaba que já teve contato com o novo Coronavírus.
Destacamos ainda que o Medicina Veterinária foi considerada atividade essencial nesse período de pandemia do novo Coronavírus, sendo de fundamental importância para o país neste momento de enfrentamento da Covid-19, e merecem reconhecimento e respeito pelo trabalho, onde arriscam sua saúde e de suas famílias em prol da sociedade.
Nesse contexto, o CRMV-ES não permitirá ataques à profissão e vem, nessa nota, apresentar desagravo público em favor do Médico-Veterinário Rafael Henrique de Mello, inscrito sob o número 1873, bem como de toda a classe Médico Veterinária, que foi injusta e caluniosamente atacada pelo Sr. Petrônio Antunes Luz Filho. Informamos, por fim, que essa Autarquia Pública tomará as medidas cabíveis.
2020-05-14T14:18:27-03:00 14/05/2020|Notícias|