Para orientar as Instituições de Ensino Superior (IES) que aderiram ao Projeto Estratégias de Ensino-aprendizagem, o Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) criou uma cartilha voltada aos coordenadores e docentes.

A cartilha fornece orientações sobre o preenchimento de documentos e ações que deverão ser executadas ao longo dos semestres letivos, além de sanar possíveis dúvidas sobre o projeto.

O documento indica, por exemplo, como a IES pode participar e iniciar o processo de parceria e como executar o projeto ser firmado o Acordo de Cooperação Técnica. A cartilha explica ainda sobre as visitas técnicas realizadas pelo CFMV e as ações que cada coordenador deve realizar. É importante lembrar que as atividades devem ser executadas de acordo com o Cronograma do Projeto.

O material também destaca a importância da IES realizar reuniões periódicas com os docentes e o Núcleo de Apoio Pedagógico, além de participar das reuniões virtuais realizadas com o CFMV.

Outro passo trata da avaliação do projeto, tanto após o primeiro semestre de implementação quanto após o fim do segundo semestre, quando o projeto é oficialmente finalizado. Um relatório deve ser elaborado com as avaliações dos docentes e estudantes.

A função de cada documento que faz parte do projeto também é detalhada no material, já que deve ser conhecida pelos coordenadores. São eles o Guia das Estratégias de ensino-aprendizagem; a Manifestação de Interesse; o Termo de Cooperação; o Plano do Projeto; o Cronograma do Projeto; o Acompanhamento das Estratégias Aplicadas; a Avaliação do Aluno; e a Avaliação do Docente; o Relatório Final e Parcial; e o Informações das IES.

Baixe a cartilha e saiba mais.

Assessoria de Comunicação do CFMV 

Fonte CFMV (matéria acessada em 09/05/17)