O Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) e diversos conselhos federais de profissões participaram, em 17 de outubro, do 1º Fórum dos Conselhos Federais de Profissões Regulamentadas, no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil, em Brasília (DF).

Com o tema “O Ensino Superior na Visão dos Conselhos Federais de Profissões Regulamentadas”, os participantes debateram assuntos da área, especialmente temas relacionados à expansão cursos de graduação e à qualidade do ensino superior no país.

O CFMV foi representado pelo integrante da sua  Comissão Nacional de Educação da Medicina Veterinária (CNEMV) , João Carlos Pereira da Silva.

O evento abordou também matérias atuais como mercantilização do ensino; a precarização da formação dos futuros profissionais; e os riscos dos cursos de Ensino a Distância.

Após as palestras, representantes dos conselhos puderam relatar um pouco da realidade das profissões. O médico veterinário João Carlos abordou, em sua apresentação, assuntos importantes, como a participação do CFMV em Processos Regulatórios; o Seres – Banco de Conhecimento da Medicina Veterinária e Zootecnia, plataforma colaborativa de educação continuada lançada este ano pelo CFMV; Educação a Distância – uma real ameaça ao ensino de qualidade na Medicina Veterinária; e cursos noturnos no contexto da Medicina Veterinária.

O CFMV está sempre atento às questões que buscam adotar uma formação acadêmica que traga prejuízos generalizado e defende a importância da educação presencial para a qualidade da formação profissional.

Ao final da reunião, os participantes ressaltaram a importância de uma ação coletiva mais eficaz e planejam a realização de outras reuniões, ainda neste ano.

Além do CFMV, participaram do evento representantes do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil, Conselho Federal de Serviço Social, Conselho Federal de Biologia, Conselho Federal de Educação Física, Conselho Federal de Engenharia e Agronomia, Conselho Federal de Farmácia, Conselho Federal de Veterinária, Conselho Federal de Psicologia do Brasil, Conselho Federal de Química, Conselho Federal de Profissionais de Relações Públicas, Conselho Federal de Nutricionistas, Conselho Federal de Fonoaudiologia, Ordem dos Músicos do Brasil, Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Conselho Federal de Enfermagem e Conselho Federal de Administração.

Fonte CFMV (acesso em 26/10/17)