Por Flávia Lôbo

O médico veterinário tem um papel essencial e amplo na cadeia produtiva das proteínas de origem animal. O profissional está presente desde a produção primária, transporte, industrialização, comercialização e consumo. O objetivo do seu trabalho é prevenir riscos à saúde, participando de programas de autocontrole. Ele verifica, monitora e fiscaliza os processos para assegurar a qualidade do produto.

Levando em consideração a importância e relevância do trabalho do médico veterinário na área de alimentos, o Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) criou, em setembro de 2016, a Comissão Nacional de Alimentos (CNAL/CFMV), que iniciou seu assessoramento ao CFMV nas questões relacionadas à regulação, condições tecnológicas e higiênicas sanitárias.

Este ano, a CNAL já atuou em diversas manifestações de consultas públicas na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e no Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) e Conselho Nacional de Controle e Experimentação Animal (Concea).

A Comissão também se empenhou em preparar posicionamento técnico quanto às propostas de resoluções e demais atos que regulamentem o exercício da Medicina Veterinária, assim como de harmonização da legislação relativa ao exercício profissional.

Para 2017, a Comissão planeja várias atividades, dentre elas:  produzir material de ensino à distância para capacitação dos responsáveis técnicos em segurança de alimentos e em diversos segmentos desde o abate, produção de ovos e mel até distribuição e consumo; divulgar o papel do médico veterinário na área; e promover a inclusão de conteúdos relativos aos alimentos seguros na formação acadêmica de novos profissionais.

“Vamos trabalhar para inserir, cada vez mais, os profissionais na área de alimentos, despertando nos médicos veterinários o interesse por uma área tão importante e que, às vezes, por desconhecimento, não é ocupada”, afirma a presidente da CNAL/CFMV, Valéria Cavalcanti.

Além disso, a CNAL pretende propor a edição de normas relacionadas à atuação do médico veterinário em todas as fases da cadeia produtiva e de consumo de alimentos de origem animal.

Sobre a CNAL/CFMV

A comissão é composta pelos médicos veterinários Valéria Rocha Cavalcanti (presidente da Comissão, Alexander Welker Biondo, Ricardo Moreira Calil, Gisela Cornelia Hutten, e Marili Gramolini Garcia Winckler.

Fonte Assessoria de Comunicação do CFMV (matéria acessada em 27/12/16)