Home/Notícias/5 de agosto, Dia Nacional da Saúde e da Vigilância Sanitária

5 de agosto, Dia Nacional da Saúde e da Vigilância Sanitária

No dia 5 de agosto, é comemorado o Dia Nacional da Saúde e da Vigilância Sanitária. A data foi criada por meio da Lei Federal nº 13.098, de 27/01/2015, e coincide com a data de nascimento do médico Oswaldo Cruz, um dos maiores sanitaristas do Brasil, reconhecido pelo combate a moléstias como febre amarela e peste bubônica que assolavam o Brasil no início do século XX.

Dia Nacional da Saúde

Entre os diversos componentes que possibilitam ao ser humano alcançar a sua plena saúde física, a alimentação é um dos fatores mais importantes. A questão nutricional dos alimentos é soberana já que fornecem o aporte necessário para a formação dos organismos. Entretanto, não menos importante é a qualidade higiênica, sanitária e tecnológica alimentar, pois, pode ser veículo de inúmeros agentes patogênicos, tóxicos ou contaminantes.

Para o controle desses agentes agressivos ao consumidor, foram criados e implantados, ao longo do tempo, os serviços de inspeção de alimentos nas indústrias e no comércio. Embora com atividades distintas, esses serviços permitem que o consumidor tenha acesso a uma alimentação de qualidade que possa lhe garantir bem-estar e saúde.

A ingestão de alimentos alterados pode provocar graves problemas de saúde pública levando a um prognóstico ameaçador para a população.

Comissão Nacional de Tecnologia e Higiene Alimentar (CONTHA/CFMV) esclarece que cabe aos profissionais, sobretudo, médicos veterinários e entidades da área de segurança alimentar, envidar esforços para evitar o enfraquecimento do sistema de fiscalização alimentar e manter a qualidade de vida das gerações atuais e futuras.

Dia Nacional da Vigilância Sanitária

Comissão Nacional de Saúde Pública Veterinária do Conselho Federal de Medicina Veterinária (CNSPV/CFMV) acredita que a data deve ser um momento de reflexão sobre a extrema relevância da Vigilância Sanitária, na medida em que atua na prevenção da saúde e no bem-estar da população como um todo, concorrendo, assim, para a melhoria da qualidade e para a eficiência e eficácia da comercialização de produtos e prestação de serviços de interesse sanitário.

A CNSPV explica que é importante ao profissional de Vigilância Sanitária ter em mente que educar também faz parte da sua função. É preciso aproximar a Vigilância Sanitária (VISA) da população e proporcionar condições de disseminar a informação, segundo o pressuposto ético de promoção da saúde. O consumidor torna-se um aliado da Vigilância Sanitária no exercício da cidadania, ao realizar denúncias de irregularidades, por exemplo.

O papel do médico veterinário na Vigilância Sanitária

Importante ressaltar que o médico veterinário faz parte da equipe multidisciplinar de profissionais que atuam em estabelecimentos de interesse sanitário.

Assim, exerce a função de fiscalização, dando ênfase à higienização e sanidade de produtos de origem animal. Desse modo, evita a propagação de doenças com grande poder de difusão, por exemplo, as zoonoses que ainda acometem humanos e animais. Dentre os casos mais populares dessas doenças, citam-se a tuberculose bovina causada pela Mycobacterium bovis, a triquinose e yersiniose, a cisticercose, a hidatidose, a toxoplasmose e tantas outras que podem ser transmitidas ao homem, em casos de não inspeção da carne, leite e seus derivados antes do consumo. O médico veterinário é um profissional indispensável para assegurar a saúde da população humana e animal, o que torna seu trabalho fundamental para o desenvolvimento da humanidade no aspecto científico, nutricional, sanitário e em perfeito equilíbrio com o meio ambiente e com os animais que aqui habitam

Fonte CFMV

By | 2018-08-05T14:49:52+00:00 agosto 5th, 2018|Notícias|0 Comments

About the Author:

Leave A Comment

Avada WordPress Theme