A produção de proteína animal é um dos pilares da economia brasileira, representando R$ 176 bilhões do faturamento anual do país, segundo dados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Um dos profissionais que contribuem com o sucesso dessa cadeia produtiva é o zootecnista.

No dia 13 de maio, em que se comemora o Dia do Zootecnista, os Conselhos Federal e Regionais de Medicina Veterinária (Sistema CFMV/CRMVs) parabenizam esses profissionais por desempenhar atividades importantes relacionadas ao melhoramento genético, à nutrição e ao monitoramento animal. Atualmente existem no país 9,3 mil zootecnistas em atuação registrados no Sistema CFMV/CRMVs.

Com o auxílio das técnicas da chamada Zootecnia de Precisão, o zootecnista contribui para dar mais eficiência ao sistema produtivo, trazendo soluções para atender às demandas do produtor rural ao aprimorar o ambiente de criação. Esse conceito é baseado não somente no conhecimento científico e de gestão do zootecnista, mas também nas tecnologias usadas na avicultura, suinocultura e bovinocultura, por exemplo.

Mas o zootecnista atua não somente nas propriedades rurais. Ele também colabora com pesquisas para o desenvolvimento de novos produtos e técnicas em laboratórios e na indústria de ração – todas atividades que, direta ou indiretamente, colaboram para o bem-estar animal e para um desenvolvimento sustentável do agronegócio.

A campanha

Com o objetivo de homenagear os zootecnistas brasileiros, o Sistema CFMV/CRMVs lança uma campanha que reconhece o valor desse profissional para o país. Com o tema “Zootecnista: agregando valor para o Agronegócio e contribuindo para sua evolução tecnológica”, a ação lembra que o trabalho desse profissional contribui para o aprimoramento da produção animal.

Clique aqui e veja o anúncio de parabenização aos zootecnistas brasileiros

Confira também o vídeo produzido especialmente para a campanha:

Histórico

O Dia do Zootecnista é comemorado em 13 de maio pois foi nesta data, em 1966, que ocorreu a aula inaugural do primeiro curso superior de Zootecnia do Brasil, na Pontifícia Universidade Católica (PUC), na cidade de Uruguaiana (RS). O curso de Zootecnia da PUC Uruguaiana não está mais em funcionamento.

Fonte CFMV (matéria acessada em 15/05/17)